11 de dezembro de 2016

Resenha - Belle, Lesley Pearse.

Autor: Lesley Pearse
Título: Belle
Ano: 2012
Páginas: 560
Editora: Novo Conceito

Londres, 1910.
Belle, de 15 anos, viveu em um bordel em Seven Dials por toda sua vida, sem saber o que acontecia nos quartos do andar de cima. Mas sua inocência é estilhaçada quando vê o assassinato de uma das garotas e, depois, pega das ruas pelo assassino para ser vendida em Paris.
Sem poder ser dona de seu próprio destino, Belle é forçada a cruzar o mundo até a sensual Nova Orleans onde ela atinge a maioridade e aprende a aproveitar a vida como cortesã. A saudade de casa — e o conhecimento de que seu status como garota de ouro não durará muito — a leva a sair de sua gaiola de ouro.
Mas Belle percebe que escapar é mais difícil do que imaginou, pois sua vida inclui homens desesperados que imploram por sua atenção. Espirituosa e cheia de desenvoltura, ela tem uma longa e perigosa jornada pela frente.
A coragem será suficiente para sustentá-la? Ela poderá voltar para sua família e amigos e encontrar uma chance para a felicidade?
Autora # 1 bet-seller, Lesley Pearse criou em Belle a heroína de nossos tempos: uma mulher forte que luta por seus direitos em um mundo perigoso.

"É preciso coragem para perder a inocência”.

Coloquei essa citação logo de cara por que acredito que ela fale mais do que qualquer outra que eu poderia escolher do livro. Ela passa exatamente tudo o que eu gostaria de colocar na minha resenha.

Foi preciso muita coragem para suportar o que Belle suportou… Não foi fácil viver o que essa mocinha viveu.

Belle, 15 anos, é filha de Annie que por sua vez é dona de um bordel. Belle não sabe o tipo de negócio que sua mãe mantém já que ela sequer desconfia do que está saltando aos olhos.

Em umas de suas caminhadas Belle conhece um rapazinho que é pouco mais velho que ela mesma: Jimmy, que acaba de perder a mãe e foi morar com seu tio Garth. Surge uma amizade bem simples e inocente entre eles.

Sempre protegida Belle viveu uma vida razoável, amada por Mog e protegida das maldades do mundo por sua mãe, Annie. Finalmente a inocência de Belle é tirada, ou melhor, arrancada dela ao testemunhar o assassinado de uma das “garotas” de sua mãe.


Kent, como é conhecido o assassino, sabe que precisa sumir com Belle para ter seu crime encoberto e decide juntamente com seu comparsa Sly sequestrá-la e vendê-la ao mercado de escravas brancas com o único propósito de transformá-la em uma prostituta.

Sequestrada, vendida, usada e abusada, Belle contra sua vontade, é transformada em uma prostituta. Come o pão que o diabo amassou, mas não perde a esperança de voltar ao lugar ao qual realmente pertence.

A história é contada pelo ponto de vista de vários personagens, desde a mocinha Belle até o vilão, o que nos ajuda a “girar” em todas as emoções que não faltam nesse livro.

Belle passou por coisas que vocês apenas poderiam imaginar, mas irão descobrir se decidirem ler o livro rs.

O fato de Belle ter sido sequestrada e transformada em prostituta e ter sofrido tudo o que sofreu, não significa que ela não foi capaz de cometer erros e de aparentemente sempre confiar nas pessoas erradas. Tudo o que Belle passou não poderá ser apagado por mais que ela queira viver uma vida normal, nada jamais será esquecido, no mínimo superado, cicatrizes que irão se curar tanto físicas como mentais, mas esquecido acho que não, e nem deveria ser, tudo pelo que ela passou a transformou na jovem que vocês irão conhecer no final do livro.

O final do livro não me agradou pois estava previsível desde o começo. Só posso dizer que o livro não é realmente surpreendente, mas é cheio de tramas e um pouco de suspense. Recomendo a leitura para quem adora um romance, assim como eu, que só não li mais rápido por que realmente não pude.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Pérolas Literárias - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo